Carnes bovinas
Carnes suínas
Aves
Carnes Exóticas
Frutos do mar

Sucesso de um bom churrasco

Dicas para um bom churrasco:

  • 90% do sucesso de um churrasco é explicado pelas carnes e apenas 10% pelo churrasqueiro. Um mestre churrasqueiro não consegue converter uma carne ruim em boa, mas um churrasqueiro fraco consegue se sair bem com uma ótima matéria prima. Evidente que se o churrasqueiro for péssimo, com muito esforço, ele consegue transformar uma carne boa em ruim.
  • Um bom churrasco começa com a escolha da matéria prima. O momento mais importante do churrasco ocorre no dia ou nas horas anteriores a ele: na frente do balcão do açougue, câmara fria do supermercado ou butique de carnes. Um pequeno deslize pode transformar um churrasco que deveria ser memorável em um que cairá em pouco tempo no esquecimento. Carnes provenientes de animais abatidos jovens, com boa genética e excelente terminação em confinamento são as ideias para se fazer um bom churrasco.
  • No momento do preparo das carnes, diversas são as técnicas. Existem carnes que ficam melhores quando assadas em peça e outras quando grelhadas em bife. Independentemente do método que o churrasqueiro usar, ele tem que ter em mente algumas regras básicas, tais quais: nunca furar a carne, virar o bife somente uma vez, esperar o braseiro ficar pronto, só colocar o bife quando a grelha estiver bem quente e esperar uns cinco minutos antes de cortar uma peça inteira.